• Início
  • Mapa do Site
  • Contactos

Munícipe

Circuitos Ciência Viva Apresentados em Alcanena

foto apresentacao circuitos ciencia viva

 

O Centro Ciência Viva do Alviela e a Câmara Municipal de Alcanena apresentaram, no dia 16 de fevereiro de 2017, os percursos da região associados aos Circuitos Ciência Viva, um projeto inovador de turismo do conhecimento lançado pela Ciência Viva, em parceria com a Rede de Centros Ciência Viva, e desenvolvido com o apoio da Fundação Vodafone, da CP – Comboios de Portugal, da GALP e da SATA.
 
No evento, que teve início às 10:00h, no auditório do Centro Ciência Viva do Alviela, estiveram presentes o executivo da Câmara Municipal de Alcanena, representantes de juntas de freguesia locais e entidades parceiras da região, bem como representantes do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas e da Fundação INATEL.
 
Os diretores dos Centros Ciência Viva de Coimbra, Constância e Proença-a-Nova marcaram também presença com elementos das suas equipas, dando a conhecer um pouco da oferta associada aos respetivos equipamentos. As ruínas do Mosteiro de Santa Clara-a-Velha “que agora é nova” são uma das propostas apresentadas por Paulo Trincão para explorar em Coimbra. O Parque Ambiental de Santa Margarida é um dos locais de visita obrigatória em Constância, para Máximo Ferreira. A praia da Fróia ou a floresta rica em pinheiros que serviram de inspiração à arquitetura do edifício e exposições interativas, em Proença-a-Nova, são algumas das propostas de visitação sugeridas por Edite Fernandes.
 
Em Alcanena, a Presidente da Câmara e do Centro Ciência Viva do Alviela, Fernanda Asseiceira, destacou o polje de Mira-Minde, um dos ex-libris do concelho, integrado no percurso apresentado aos participantes do evento: o mar de Minde. Onde outrora estaria o mar, hoje em dia, observamos um lago, que aparece e desaparece, consoante a quantidade de água das chuvas.
 
A diretora do Centro Ciência Viva do Alviela, Paula Robalo, deu a conhecer todos os locais que, neste momento, fazem parte dos percursos associados ao Alviela, como por exemplo a gruta Algar do Pena, em destaque no vídeo promocional dos Circuitos Ciência Viva, apresentado oficialmente no Pavilhão do Conhecimento – Ciência Viva, em Lisboa, no dia 6 de fevereiro, e também visualizado pelos cerca de 30 participantes da apresentação que teve lugar em Alcanena.
 
Paula Robalo referiu, ainda, a forma como o cartão pode ser adquirido: num dos 20 Centros Ciência Viva da Rede Nacional ou no site www.circuitoscienciaviva.pt.
 
À apresentação, seguiu-se a visita aos pontos de interesse e parceiros do percurso B - Mar de Minde. O brilho e nitidez das aguarelas de Roque Gameiro, as cores aconchegantes das mantas de Minde, reproduzidas também em acessórios de moda no Centro de Artes e Ofícios Roque Gameiro, a paisagem deslumbrante que podemos apreciar a partir das grandes varandas do Retiro do Bosque forneceram a energia suficiente para uma manhã que culminou na visita à gruta do Regatinho, em pleno mar de Minde, naquela data sem água, mas frequentemente inundado. Pelo caminho, ainda foi desvendado o significado de alguns dos curiosos vocábulos do conhecido Minderico, uma língua que permite aos habitantes da região comunicarem de forma praticamente impercetível para os visitantes e turistas.
 
Conheça os 18 destinos de viagem em Portugal e as mais de 200 etapas para explorar com ciência e cultura, beneficie dos descontos nos parceiros locais de alojamento e restauração, com a comodidade proporcionada pela CP, Galp e SATA, e leve consigo o guia que faz parte do kit e o seu telemóvel ou tablet para aceder ao site e app desenvolvidos com o apoio da Fundação Vodafone. A bagagem é leve para conhecer o país e o Centro Ciência Viva do Alviela é apenas um dos vários pontos de partida. Prontos para descobrir Portugal?